PROMOÇÃO REDE SKY

PROMOÇÃO REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quarta-feira, 7 de abril de 2021

FUNASE: Oficinas adaptadas à internação provisória capacitam adolescentes em até 45 dias

 

Em Caruaru, por exemplo, temas como produção de bijuterias e informática serão trabalhados em abril



O Centro de Internação Provisória (Cenip) Caruaru, no Agreste, passa a contar, ao longo do mês, com novas turmas de oficinas profissionalizantes para os adolescentes atendidos na unidade, considerando o Plano de Convivência com a Covid-19 no Estado. As atividades visam a assegurar desenvolvimento pessoal e profissional aos participantes, que têm o período de permanência no local limitado a 45 dias, o que demanda um formato especial de aulas de curta duração. O espaço é operado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), por meio da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase).



 

Uma das oficinas, de bijuteria, começou nesta semana, com carga horária de 24h e ministração da oficineira Valdenice Silva. Já na próxima segunda-feira (12), terão início as aulas de informática, uma temática frequente no Cenip Caruaru e que contribui para que os adolescentes ganhem noções básicas importantes para uso em outros cursos realizados na Funase. A oficina terá conteúdos ministrados ao longo de 20 horas/aula, sob responsabilidade da agente socioeducativa Renata Kelly. As atividades, que têm número reduzido de alunos, seguem normas sanitárias de distanciamento social como forma de prevenção ao coronavírus.

 

Para a coordenadora-geral do Cenip Caruaru, Severina Moreira, o fato de oficinas serem realizadas em um espaço com rotatividade significativa do público é um desafio que tem sido superado graças ao trabalho em equipe. “Mesmo nesse curto período que passam aqui, os adolescentes percebem que a profissionalização é levada a sério. Buscamos oferecer diversas temáticas, todas certificadas pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). Isso faz muita diferença no caminho que eles seguem após a saída do Cenip, seja para uma medida socioeducativa dentro da Funase, seja para uma medida em meio aberto ou mesmo a liberdade”, destaca.



ASCOM - FUNASE - GOV_PE

blog do Alberto Barbosa




Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário