REDE SKY

REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

Operação conjunta da PF erradica 164 mil pés de maconha no Sertão de Pernambuco

 


A Polícia Federal através de sua Delegacia em Salgueiro/PE em conjunto com a Polícia Civil, Polícia Militar de Pernambuco (Grupamento Tático Aéreo e BEPI-Batalhão Especializado de Policiamento do Interior) e Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco e da Paraíba vem promovendo ações de identificação e consequente erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Entorpecentes-CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF, com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano e contou com duas aeronaves da Coordenação de Aviação Operacional-CAOP da Polícia Federal em Brasília.

Em operação da Polícia Federal em  conjunto com a Polícia Civil, entre os dias 05 a 15 deste mês, foram erradicados 164 mil pés de maconha, apreendidos 138 kg da droga pronta para consumo, destruídos 56 plantios e 400 mil mudas. Os plantios foram localizados através de levantamentos feitos pela Polícia Federal em algumas ilhas dos Rio São Francisco, localizadas na Região de Orocó, Cabrobó, Carnaubeira da Penha, Floresta e Belém do São Francisco no sertão pernambucano.

Com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão pernambucano, a operação intitulada “Muçambê V” contou com a ajuda de duas aeronaves da Coordenação de Aviação Operacional-CAOP da Polícia Federal em Brasília. Caso os 164 mil pés fossem colhidos, prensados e colocados no mercado consumidor daria para se produzir aproximadamente 55 toneladas de maconha.

O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto por policiais federais e quando vai se aproximando o período da colheita novas ações são realizadas coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercadoilegal dos pontos de vendas de drogas. Com as constantes operações policiais de erradicação de maconha no sertão de Pernambuco, a polícia vem observando que o traficante daquela região está tendo que recorrer  a importação da droga do Paraguai, o que vem aumentando as apreensões feitas pela Polícia Federal de maconha vinda do país vizinho. 

O nome da quinta operação realizada pelas autoridades têm origem na Muçambê, que é um pequeno arbusto da família das Caparidáceas provido de espinhos nos pecíolos das folhas, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.

ESTATÍSTICAS DAS CINCO OPERAÇÕES REALIZADAS EM 2020:
1.468.218 pés erradicados;
Equivalente a 489 toneladas;
2.619 kg (duas toneladas, seiscentos e dezenove quilos) de maconha pronta apreendida.


FotoS: Divulgação / Polícia Federal

Com Diário de PE


Blog do Alberto Barbosa

Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário