1° LUGAR REFERÊNCIA EM PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA - CARIRI EM AÇÃO

1° LUGAR REFERÊNCIA EM PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA - CARIRI EM AÇÃO
OBRIGADO JATAÚBA!

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE SKY

REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

domingo, 3 de fevereiro de 2019

VITÓRIA DO POVO BRASILEIRO: Com 42 votos, Davi Alcolumbre é eleito presidente do Senado, derrotando os corruptos Renan Calheiros, Humberto Costa, Dias Toffoli e o restinho da Corja



O senador Davi Alcolumbre (DEM) foi eleito neste sábado (02) como presidente do Senado Federal. O parlamentar recebeu 42 votos. De forma surpreendente, o resultado veio após a desistência do também senador Renan Calheiros (MDB), que era apontado como favorito para a disputa desde que o ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, anulou o voto aberto e definiu o voto secreto na eleição.
Em seu discurso, Davi garantiu que vai lutar por autonomia do Senado. O parlamentar afirmou que sua condução será de transparência e que Senado irá ‘resgatar o prestígio’. O senador ainda falou sobre ‘novo tempo’ e garantiu que não irá agir com ‘revanchismo’ contra adversários. O democrata também citou as reformas, que segundo ele, são necessárias.
Quero contribuir com todos que me ajudaram nessa caminhada. Construiremos juntos os anseios das ruas. Espero e confio que possamos entregar a Casa ao fim desse biênio com o país entrando nos eixos. O país conta conosco, não podemos nos dar ao luxo de falhar”, disse em discurso.
Mesmo tendo retirado sua candidatura, Renan Calheiros recebeu cinco votos na segunda votação. Ele se ausentou e não participou da escolha do presidente. O candidato Espiridião Amim recebeu 13 votos, Ângelo Coronel foi escolhido por oito votos, Reguffe recebeu seis votos e três votaram em Fernando Collor.
Desejo todo o sucesso e todo o êxito, não existe mais candidaturas, existe o Senado da República e está sob sua responsabilidade conduzir essa Casa com autonomia e intrepidez”, disse o senador José Maranhão (MDB).
Davi Alcolumbre iniciou a vida política em 2001, quando foi eleito vereador. Em 2003, o parlamentar se tornou deputado federal pelo estado do Amapá, e em 2007 conseguiu a reeleição, assim como em 2011. Já no ano de 2015, o parlamentar se tornou senador também pelo estado.

Folha
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário