Promoção Magazine Luiza e Você

PREVINA-SE!

PREVINA-SE!
NOSSO BLOG APOIA ESSA CAUSA

ELEIÇÕES 2018 AO VIVO

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA
1° FEIRÃO DO ANO

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

APOIO: REDE SKY

APOIO: REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

TEMPO EM JATAÚBA - PE

terça-feira, 2 de outubro de 2018

POLÍCIA CIVIL ESCLARECE A AUTORIA DO ASSASSINATO DO ADVOGADO MORTO EM CARUARU. ELE FOI EXECUTADO A MANDO DA EX ESPOSA E DO IRMÃO DELA




Foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (01) a Operação Patronus, para dar cumprimento a cinco mandados de prisões contra pessoas envolvidas no assassinato do advogado, André Ambrósio Ribeiro Pessoa, de 46 anos, que foi assassinado em frente a casa da ex-sogra no dia 12 de julho no Loteamento Itamaraty, no bairro Kennedy. O advogado que morava no Recife veio a Caruaru naquele dia e levou a filhinha de cinco anos e a babá para um shopping e quando voltou para deixar a filha na casa da avó, saiu do carro e foi surpreendido com a chegada de um homem que o executou na frente da criança e da babá.

Na execução da operação policial, foram empregados 38 (trinta e oito) Policiais Civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães. Além disso, destacamos o apoio da Polícia Civil do Estado da Bahia e de Sergipe. A Operação foi coordenada pela DINTER-1, supervisionada pela Chefia de Polícia Civil com assessoramento da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco - DINTEL.
Isadora, foi quem encomendou a morte do ex-companheiro junto com o irmão Isaac.

Ramon, foi o executor do crime.
Foi presa hoje no Recife, Isadora Ferreira de Almeida e já estava preso desde o dia 09 de agosto, Ramon Reis Silva, que cumpre pena num presídio de Aracaju e estão foragidos José Jameson de Sales, vulgo “Jairzinho”; Emerson Henrique de Azevedo, vulgo “Bê” e José Isaac Ferreira de AlmeidaIsadora foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina de Buíque.

O delegado Dr. Rodolfo Bacelar, disse que o crime foi encomendado pela Isadora, que é ex esposa do advogado e o irmão dela, José Isaac que contrataram os três pistoleiros, Ramon, “Jairzinho” e “Bê” que vieram a Caruaru para cometer o crime e usavam o Aircros com a placa clonada. No momento do crime enquanto o Ramon foi abordar a vítima deixou os dois comparsas dentro do carro e teve o cuidado de afastar a babá e a criança do advogado, pois tinham essa recomendação dos contratantes de não ferir nem a menina que é filha da Isadora e nem a babá que é sua prima, inclusive a Isadora viajou para outro estado no dia do crime para criar um álibi e quanto a motivação o delegado afirmou que era porque a Isadora e o irmão eram sócios em algumas empresas do advogado e que seriam beneficiados financeiramente com a sua morte. O carro usado pelos bandidos foi abandonado e queimado na zona rural de Cupira. 

De acordo com o delegado, Emerson participou do assassinato de André, dando suporte no levantamento do local onde a vítima pegaria a filha e na fuga de Ramon, enquanto que o “Jairzinho” era o proprietário do veículo utilizado na morte da vítima, o Ramon é responsável por parte do Tráfico de Drogas no Estado de Sergipe e também praticava homicídios mediante paga. Estava homiziado em Caruaru há 5 meses, devido a ter executado um traficante rival por disputa de território.

Isaac é acusado de junto com a irmã encomendar a morte do ex-cunhado.

Emerson Henrique também participou do assassinato.
"Jairzinho" vinha cometendo vários assaltos em Caruaru e na região.

Se você sabe do paradeiro desses três marginais os denuncie ligando para o Disque-Denúncia Agreste através do telefone (81) 3719-4545 ou se comunique com a 20ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, através do Whatsapp 9 9488-7042 e em ambos os canais o denunciante terá a garantia de anonimato.


Imagens: Divulgação/SDS Polícia Civil
Blog do Adielson Galvão
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio