Promoção Magazine Luiza e Você

VESTIBULAR - INSCRIÇÕES ABERTAS

VESTIBULAR  - INSCRIÇÕES ABERTAS
FACULDADE DO CARIRI

PREVINA-SE!

PREVINA-SE!
NOSSO BLOG APOIA ESSA CAUSA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA
1° FEIRÃO DO ANO

APOIO: REDE SKY

APOIO: REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

terça-feira, 17 de abril de 2018

Onze açudes transbordam na Paraíba e reserva hídrica já melhora

Onze açudes transbordam na Paraíba e reserva hídrica já melhora

Os maiores açudes da Paraíba, o Coremas/Mãe d'Água, que abastece a região do Litoral, e o Boqueirão, que abastece a região do Agreste, ou seja, todas as cidades do Compartimento da Borborema, estão com capacidade hídrica considerada excelente. O Coremas/ Mãe d'Água está com 104,9 milhões de metros cúbicos e o Boqueirão é atualmente o manancial que mais tem água na Paraíba, 126 milhões e 800 mil metros cúbicos. Cerca de 31% de sua capacidade.

Além desses dois, segundo o presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes, onze açudes já sangraram ou continuam sangrando na Paraíba em razão do grande volume de chuvas que vem caindo em praticamente todo o Estado. "Mesmo assim, apesar das chuvas registradas desde o início de janeiro na Paraíba, 73 reservatórios dos 127 monitorados pela Aesa ainda se encontram em situação crítica, com menos de 20% da capacidade hídrica total. Destes, sete estão com 0% do volume de água. Outros 44 açudes estão com o índice hídrico acima de 20%", afirmou.

Segundo informações da Aesa, já são 11 os reservatórios que alcançaram a capacidade máxima em razão das chuvas do último fim de semana. Estão sangrando os açudes de Olho d’Água, em Mari; Araçagi, em Araçagi; Bom Jesus, em Carrapateira; Cachoeira da Vaca, em Cachoeira dos Índios; Cachoeira dos Alves, em Itaporanga; Cafundó, em Serra Grande; Pimenta, em São José de Caiana; São José I, em São José de Piranhas; São José II, em Monteiro; Taperoá II, em Taperoá; e Vazante, em Diamante. Outros açudes como o de Barra de São Miguel; Gramame/ Mamuaba, no Conde; Jangada, em Mamanguape; e São Salvador, em Sapé, estão com mais de 90% de suas capacidades.

Na região do Sertão, o Açude Coremas, que abastece uma população de aproximadamente 300 mil pessoas, também aumentou o volume hídrico após receber cerca de 14 milhões de metros cúbicos de água. Com a recarga, o manancial ultrapassou a marca de 104,9 milhões, o equivalente a 17,8% de sua capacidade total.

Na semana passada, o Açude São Gonçalo, em Sousa, estava 29% abastecido com cerca de 13,3 milhões de metros cúbicos. A expectativa é de que o manancial atinja a metade de seu limite nos próximos dias, caso a chuva continue beneficiando o Sertão paraibano. O Açude Engenheiro Ávidos, situado em Cajazeiras, está com 42 milhões de metros cúbicos, ou seja, índice de 16% de sua capacidade hídrica.

Atualizados 17/04/18 às 08h22m

Dados AESA
PB Agora
Com Blog do Alberto Barbosa



Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio