Promoção Magazine Luiza e Você

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

APOIO: REDE SKY

APOIO: REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

PRESO: PAI 'MONSTRO' QUE ESTUPROU TRÊS FILHAS, A DE 12 ANOS ESTÁ GRÁVIDA, EM LIMOEIRO-PE



Um "homem de 53 anos, suspeito por estuprar três das suas quatro filhas, foi preso na manhã desta segunda-feira (25) em Limoeiro, no Agreste de Pernambuco". De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE), uma das meninas, que tem apenas "12 anos de idade, está grávida do próprio pai". O crime foi denunciado por uma das irmãs da criança, também violentada sexualmente desde os oito anos.


Caso aconteceu na zona rural de Limoeiro / Foto: reprodução/TV Jornal
Caso aconteceu na Zona Rural de Limoeiro-PE

Ainda segundo a PCPE, as duas filhas mais velhas, hoje com 22 e 18 anos, saíram de casa por não aguentarem mais os abusos sofridos. “As irmãs mais velhas são maiores de idade, mas foram violentadas durante muito tempo desde os 8 anos. Por isso, uma das filhas denunciou o crime para que a Justiça tomasse providências, porque ela sabia que o destino das irmãs menores de 12 e 6 anos seria o mesmo delas”, contou a delegada à frente das investigações, Maria Betânia, da Delegacia de Limoeiro. Segundo ela, a criança de seis anos era a única das filhas que não era violentada.

Resultado de imagem para pai engravida filha em limoeiro
Maria Betânia, da Delegacia de Limoeiro


A polícia também investiga o envolvimento da mãe no crime, já que os abusos eram feitos durante de anos. “Temos que ver até quanto a mãe teria conhecimento porque ela poderia ter agido com omissão, não denunciando o caso às autoridades”, afirma a delegada. 

Caso seja confirmado que a mãe sabia dos abusos, ela também será indiciada e as meninas provavelmente ficarão sob tutela das irmãs mais velhas. “Caso a omissão da mãe seja confirmada, possivelmente haverá uma destituição do poder familiar, que é decretada pelo Judiciário, e acredito que pelas irmãs serem de maiores, elas ficarão responsáveis pelas duas crianças. Mas este processo ficará a cargo do Judiciário”, disse a delegada, que pretende concluir o inquérito ainda este ano. 



FOLHA PE
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio