Promoção Magazine Luiza e Você

VESTIBULAR - INSCRIÇÕES ABERTAS

VESTIBULAR  - INSCRIÇÕES ABERTAS
FACULDADE DO CARIRI

PREVINA-SE!

PREVINA-SE!
NOSSO BLOG APOIA ESSA CAUSA

GRANDE FEIRÃO REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

GRANDE FEIRÃO REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA
PROMOÇÃO FEIRÃO

REDE SKY

REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Jataúba; Em entrevista vereador Zuza admite possibilidade de apoiar Paulo Câmara para governador em 2018


Nesta quarta-feira 13, o entrevistado no programa Debate Livre que vai ao ar pela Rádio Jataúba FM foi o vereador oposicionista Zuza do Jacú, o vereador falou sobre a sua trajetória como vereador e atribuiu o seu crescimento a cada eleição a sua simplicidade e ao compromisso que tem com o povo de Jataúba sendo inclusive o único vereador a não faltar a nenhuma reunião na câmara.

Zuza teceu críticas à administração municipal e disse que vem juntando alguns documentos que serão entregues ao Ministério Público onde através dos quais irá mostrar irregularidades que estão sendo cometidas pela atual gestão. Segundo o vereador falta transparência por parte da gestão municipal, Zuza salientou que por conta disso é que foi criada a CPI dos carros pipas e das câmaras de ar e disse que outras CPI’s ainda podem ser formadas.

Ainda sobre a CPI o vereador disse que os trabalhos estão avançando e acusou o presidente da câmara, em como a bancada de situação de terem feito uma manobra tentando colocar o vereador Jackson na comissão sendo o mesmo filho do prefeito, para Zuza a manobra foi comprovada quando a justiça determinou o afastamento do vereador e classificou tudo isso como uma vergonha.
Falando da sua atuação Zuza disse que tem mais de 100 requerimentos apresentados e aprovados e que o prefeito nunca atendeu nenhum pelo fato do mesmo ser oposição, e disse que as vezes se sente envergonhado por ser político e ver a classe tão desacreditada no país. O vereador disse que por conta disso a qualquer momento poderá abandonar a política pelo fato de está decepcionado com as coisas que acontecem.

Zuza disse que hoje Jataúba tem uma oposição forte com cinco vereadores que estão unidos em prol da população e questionado sobre a escolha de Maviael como líder da oposição na câmara uma vez que o mesmo foi eleito da chapa de Chico de Irineu, Zuza disse que foi uma indicação sua e não se arrepende de ter dado essa oportunidade ao vereador Maviael que tem feito um bom trabalho.
O vereador criticou a atual gestão por algumas percas que o município vem tendo nos últimos tempos como o matadouro, o Banco do Brasil e o cartório eleitoral, porém admitiu que não fez nada pra evitar que isso acontecesse: “Eu não fiz nada até porque não podia, eu ia procurar quem? Quem tem que correr atrás é o prefeito que teve Bruno Araújo e Zé Humberto como deputados majoritários no município”, disse Zuza. O vereador disse que na época em que o grupo de oposição local estava ao lado do governo, foi à época que Jataúba mais recebeu obras importantes.

Zuza admitiu que poderá apoiar Paulo Câmara pra governador, dependendo do que ele enviar para o município de Jataúba. Por fim, Zuza classificou o trabalho da guarda comunitária como muito importante para o município, porém, disse que não ajuda a mesma porque não vai contribuir com algo que é irregular.

Perguntado sobre a possibilidade de apoiar Mamão em uma eventual candidatura em 2020, Zuza disse que é oposição e tá pronto pra apoiar Mamão ou qualquer outro nome que seja apresentado pelo mesmo.

Fotos: Diógenes Ramos/Bruno Paiva
Jota Silva/Agreste No Ar
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio