SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

REDE FÁCIL JATAÚBA

REDE FÁCIL JATAÚBA
Toda Loja em até 10x no Cartão Tel. (81) 3746-1412/98275-4999

Pe. REGINALDO MANZOTTI EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

Pe. REGINALDO MANZOTTI EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE
EVANGELIZAR É PRECISO!

DIVULGUE CONOSCO!

DIVULGUE CONOSCO!
(081)98152.7215 - 99415.7110 WhatsApp

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Com frio e vento, sensação térmica chega a -17ºC em cidade de SC

A cidade de Urupema, na Serra Catarinense, registra neve e temperaturas negativas. Região conta com grande quantidade de turistas com a chegada do frio forte.

A cidade de Urupema, no sul de Santa Catarina, a 206 km da capital Florianópolis, registrou -6,7ºC nesta terça-feira, mas por causa dos ventos de até 43 km/h, a sensação térmica chegou a -17ºC.
A cidade de Urupema, na Serra Catarinense, registra neve e temperaturas negativas. Região conta com grande quantidade de turistas com a chegada do frio forte.
A temperatura na cidade turística de pouco mais de 2.500 habitantes chegou perto da menor registrada no país, na também catarinense Bom Jardim da Serra: -7,4ºC, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).
Marcando temperatura de -5.2 graus Celsius ao amanhecer do dia 18/07/2017 a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
O inverno chegou forte ao país. A massa de ar polar que atinge principalmente a Região Sul provoca frio intenso nos três estados da região e temperaturas negativas, com registro de neve e geada. Nesta terça-feira, cerca de 50 municípios catarinenses amanheceram com termômetros abaixo de zero.
Marcando temperatura de -5.2 graus Celsius ao amanhecer do dia 18/07/2017 a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
O meteorologista Marcelo Pinheiro, do Climatempo, explica que massas de ar polar são concentrações de alta pressão atmosférica. O fenômeno se origina nos Polos e se espalha para as outras regiões. Embora ocorram durante todo o ano, no inverno essas massas ficam mais fortes.  A que atinge o Brasil nesta semana é a mais severa desde 1975.
Marcando temperatura de -5.2 graus Celsius ao amanhecer do dia 18/07/2017 a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
Segundo Pinheiro, “não há causas definidas” que expliquem essa massa polar tão carregada. O frio intenso que chegou ao Sul do Brasil domingo se despede na quinta-feira, quando se desloca para o oceano.  As temperaturas ficarão gradativamente  mais altas, descartando possibilidade de neve, mas ainda pode haver geada no Mato Grosso e em alguns estados do Sul do país.
Árvores amanhecem congeladas e termômetros registram temperatura negativa em São Joaquim, Santa Catarina
Nem mesmo o sol é capaz de amenizar a sensação congelante desse inverno. Porto Alegre teve um dia aberto e ensolarado, mas registrou 11ºC com sensação térmica de 4º, enquanto em Curitiba os termômetros marcavam 10ºC com sensação de 5ºC. Em São Paulo, o dia cinza anunciava uma terça-feira gelada, com 9ºC e sensação de 4ºC.
Marcando temperatura de -5.2°C, a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
O tempo amanheceu tão frio na serra catarinense que as flores nos jardins congelaram. Também nevou timidamente. Flocos de neve também caíram em Irani, Fraiburgo, São Joaquim e Água Doce, no oeste do estado, segundo a Central de Meteorologia de Santa Catarina.
Garota se <span>entretém com o gelo formado nas árvores na manhã desta terça-feira em São Joaquim. A temperatura bateu -5,2º C</span>
Na capital Florianópolis, os termômetros marcaram 3,2ºC. Além de ser a temperatura mais baixa neste ano, chama atenção pela queda brusca. No domingo, muitas pessoas foram às praias, quando os termômetros marcaram 32°C.
Marcando temperatura de -5.2°C, a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
Geada no RS
Depois do registro de queda neve em algumas cidades do Rio Grande do Sul, foi a vez de a forte geada chegar com tudo no alvorecer desta terça-feira em vários municípios, que tiveram temperaturas abaixo de zero. Nas cidades de Soledade, Espumoso e Arvorezinha, na região noroeste do Estado, os termômetros registraram entre -7°C e -3°C.
Marcando temperatura de -5.2°C, a cidade de São Joaquim, em Santa Catarina, proporcionou um espetáculo gelado aos turistas que lotam a cidade.
No município de Pinheiro Machado, próximo à fronteira sul, o frio era tanto que chegou a congelar a água. Na Serra Gaúcha, a menor temperatura foi registrada em São José dos Ausentes, com -3,4°C.
Já em Porto Alegre, os termômetros marcavam 0,7°C no Morro da Polícia, na região leste da capital. No centro, fazia 4°C nas primeiras horas da manhã.
Neve no Paraná
Com temperaturas de -4ºC, a cidade de Inácio Martins registrou a menor temperatura do Paraná e, em Palmas, houve registro de neve durante a madrugada desta terça. Segundo o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), a massa de ar com característica polar que vem do extremo sul do país fez com que o Paraná amanhecesse com temperaturas negativas em algumas regiões.
Esta foi a segunda vez que nevou na cidade de Palmas. Na primeira metade de junho, as baixas temperaturas resultaram na queda de chuva congelada na área urbana e flocos de neve nos Campos de Palmas, na região mais alta da cidade, onde está localizado o distrito do Horizonte.
A previsão é de geadas para os próximos dias até o final da semana, com queda brusca de temperatura nas regiões de Curitiba, Pato Branco, Francisco Beltrão e Guarapuava.

Previsão

Segundo a meteorologista Josélia Pegorim, do Cptec/Inpe (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos/Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), a intensa massa de ar polar que se espalhou pelo Sul do Brasil é a mais forte de 2017.
O ar polar, de acordo com ela, ainda vai atuar com força sobre a região até domingo e poderão continuar ocorrendo temperaturas abaixo de zero e muita geada.
Na quarta-feira, pode gear por amplas áreas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná e há condições de geada até nas capitais Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba.

VEJA (Com Estadão Conteúdo)

Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio