SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

REDE FÁCIL JATAÚBA

REDE FÁCIL JATAÚBA
Toda Loja em até 10x no Cartão

FESTA DE SANTA MARIA - S. J. TIGRE-PB

FESTA DE SANTA MARIA - S. J. TIGRE-PB

TEMPO EM JATAÚBA - PE

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Inscrições para o Enem 2017 começam hoje segunda (8); veja as principais mudanças…


Começam às 10h desta segunda-feira (8) as inscrições para o "Enem (Exame
Nacional do Ensino Médio) 2017", que é utilizado como seleção para o ingresso em
universidades públicas de todo o país e também para financiamentos em
universidades privadas. O prazo termina às 23h59 do dia 19 de maio.

Neste ano, os participantes pagarão uma taxa de inscrição mais cara, de R$ 82, o
que representa um aumento de R$ 14 — ou 20,5% em relação ao valor cobrado no
ano passado. O boleto deverá ser pago até o dia 24 de maio em qualquer agência
bancária, casas lotéricas ou agências dos Correios.

Outra grande mudança no exame é a realização das provas em dois fins de semana
consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. No primeiro, serão aplicadas as provas
de redação, Ciências Humanas e Linguagens, e os candidatos terão até 5h30 para
redigir a dissertação e responder a 90 questões de múltipla escolha.

Já no segundo domingo de provas, os inscritos farão as provas de Matemática e
Ciências da Natureza, com 4h30 de duração no total para responder a outras 90
questões.

Neste ano, o Enem também deixa de ser utilizado como forma de obtenção do
certificado de conclusão do ensino médio e a divulgação do ranking por escolas.
A previsão é de que o resultado do Enem seja divulgado no dia 19 de janeiro de
2018.

Isenção
Estudantes do 3º ano do ensino médio da rede pública continuam tendo direito à
inscrição gratuita.

Para participantes de baixa renda que desejam solicitar a isenção, as regras
mudaram. Este ano, a depender da faixa de renda, será preciso estar inscrito no
Cadastro Único do governo federal, utilizado para o acesso a programas sociais
como o Bolsa Família. Os participantes precisarão informar o número do NIS
(Número de Identificação Social), usado no cadastro do governo, no ato da
inscrição.

Essa exigência vale para inscritos que pedirem isenção por terem renda familiar de
até três salários mínimos (R$ 2.811), ou de até meio salário mínimo (R$ 468,50) por
cada membro da família.

Mas também podem pedir isenção da inscrição participantes que tiverem cursado
os três anos do ensino médio em escola pública (ou como bolsista em escola
particular) e que tenham renda familiar, por cada membro da família, de até um
salário mínimo e meio (R$ 1.405,50)


ASCOM - MEC
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio