Promoção Magazine Luiza e Você

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

PROMOÇÃO NOVEMBRO AZUL!

REDE SKY! APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018

REDE SKY! APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018
APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018 EM FULL-HD

TEMPO EM JATAÚBA - PE

segunda-feira, 1 de maio de 2017

DATAFOLHA: Lula amplia vantagem no primeiro turno e empata no segundo, mostra pesquisa Datafolha

Lula amplia vantagem no primeiro turno e empata no segundo, mostra pesquisa Datafolha Heinrich Aikawa/ Instituto Lula, Diego Vara/ Agencia RBS, Rafaela Martins / Agencia RBS, Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil  / Reprodução/Reprodução

O "ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) cresceu e se mantém na liderança na corrida para a Presidência da República em 2018". É o que mostra "pesquisa divulgada neste domingo pelo jornal Folha de S.Paulo". Trata-se do primeiro levantamento do Datafolha depois da divulgação das delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht na Operação Lava-Jato.
O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) também subiu e atingiu a segunda posição — em empate técnico com a ex-senadora Marina Silva (Rede). Os dois principais cenários da sondagem são comparados pelo instituto com levantamento feito em 16 e 17 de dezembro de 2015.
Bolsonaro passou de 4% para 15% e de 5% para 14% nos dois principais cenários pesquisados pelo Datafolha. No cenário 1, em que o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, é incluído, Lula aparece com 30% (ante 20% da última pesquisa), seguido por Bolsonaro (15%), Marina (14%), Aécio (8%), Ciro Gomes/PDT (5%), Michel Temer/PMDB (2%) e Luciana Genro/PSOL (2%). Ronaldo Caiado (DEM) e Eduardo Jorge (PV) aparecem empatados com 1% cada. Votos em branco, nulos e em nenhum dos candidatos somam 17% e não sabem, 4%. Nesse cenário, Aécio caiu de 26% para 8% e Marina caiu de 19% para 14%.

No cenário 2, quando o candidato tucano é o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, Lula permanece com os mesmos 30% (ante 22% da pesquisa de 2015). Marina caiu de 24% para 16% e Bolsonaro subiu de 5% para 14%. Depois, vem Alckmin, que caiu de 14% para 6%. Ciro ficou com 6% e Temer, com 2%. Luciana Genro e Caiado têm 2% cada e Eduardo Jorge tem 1%. Votos em branco, nulos e em nenhum dos nomes somam 16% e não sabem 4%.
No cenário 3, em que não há base de comparação com pesquisa anterior, Lula tem 31%, Marina aparece com 16% e Bolsonaro, com 13%. Nesse recorte, foi incluído o nome do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), que tem 9%. Em seguida, vêm Ciro Gomes, com 6%, e Temer, com 2%. Luciana Genro também aparece com 2%. Caiado e Eduardo Jorge figuram com 1% cada. Em branco, nulos ou em nenhum dos nomes, 15%. Não sabem 4%.
No cenário 4, em que não são pesquisados os nomes de Lula e Temer, mas é incluído o de Doria, o levantamento é liderado por Marina, com 25%, seguida por Bolsonaro, com 14%, Ciro (12%), Doria (11%), Luciana (3%), Eduardo Jorge (2%) e Caiado (2%). Votos em branco, nulos e em nenhum dos nomes somam 25% e não sabem, 6%. Neste cenário, também não há base de comparação com pesquisa anterior.
Num quinto cenário, sem Lula e Temer, mas com Alckmin, Marina lidera com 25%. Depois vêm Bolsonaro (16%), Ciro (11%), Alckmin (8%), Luciana (4%), Caiado (2%) e Eduardo Jorge (2%). Em branco, nulos e nenhum somam 27% e não sabem, 6%. Também não há base de comparação com pesquisa anterior neste cenário.
O Datafolha realizou ainda um sexto cenário. Os números são os seguintes: Lula (29%), Marina (11%), Bolsonaro (11%), juiz federal Sérgio Moro (9%), Aécio (5%), Doria (5%), ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa (5%), Ciro (5%), Alckmin (3%) e apresentador Luciano Huck (3%). Neste cenário, votos em branco, nulos e em nenhum nome somam 11% e não sabem, 4%, e também não há base de comparação.
O Datafolha fez 2.781 entrevistas em 172 cidades nestas quarta e quinta-feira, antes da greve geral de sexta-feira. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, considerando-se um nível de confiança de 95%.
Segundo turno
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria os outros nomes, exceto a ex-senadora Marina Silva e o juiz federal Sérgio Moro no segundo turno da eleição presidencial de 2018, segundo a pesquisa.
O nome de Moro não havia sido testado até o momento em levantamentos do Datafolha. Moro vence Lula numericamente, com empate técnico: 42% a 40%. Contra Marina, no segundo turno, o ex-presidente fica com 38% ante 41% da ex-senadora da Rede. No cenário em que Lula disputa com Aécio, o petista tem 43% contra 27% do tucano.
O ex-presidente venceria também Alckmin num eventual segundo turno, por 43% a 29%. Lula ganharia ainda de Bolsonaro — 43% a 31%. Num cenário em que o segundo turno da eleição para presidente fosse disputado entre o ex-presidente e o prefeito de São Paulo, o ex-chefe do Executivo federal levaria novamente a Presidência da República, com 43% das intenções de voto, contra 32% do tucano.
Por Zero Hora
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio