Promoção Magazine Luiza e Você

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

PROMOÇÃO DE OUTUBRO!


Toda Loja em até *10x no Cartão Tel. (81) 3746-1412/98275-4999

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quinta-feira, 6 de abril de 2017

MAIS UM: Bandidos explodem banco, disparam tiros e aterrorizam moradores de Serrita

Bandidos explodiram a agência do Banco do Brasil de Serrita. Foto: Reprodução/ WhatsApp
Bandidos explodiram a agência do Banco do Brasil de Serrita. Foto: Reprodução/ WhatsApp

Os moradores da cidade de Serrita, Sertão de Pernambuco viveram uma madrugada de terror nesta quinta-feira. Bandidos explodiram a agência do Banco do Brasil, dispararam tiros contra o prédio da delegacia e da igreja matriz Nossa Senhora da Conceição.

Antes de fugir, os assaltantes bloquearam a entrada principal de Serrita a Salgueiro espalhando grampos pela pista e incendiando um veículo, para dificultar a perseguição policial. A polícia informou que os criminosos teriam levado uma pessoa como refém, mas que a teria, liberado seguida e fugido em direção ao Ceará.


Bandidos espalharam grampos pela pista e incendiando um veículo, para dificultar a perseguição policial. Foto: Reprodução/ WhatsApp
Bandidos espalharam grampos pela pista e incendiando um veículo, para dificultar a perseguição policial. Foto: Reprodução/ WhatsApp


OUTRO CASO - Na madrugada desta quarta-feira, duas agências bancárias foram invadidas no centro da cidade de João Alfredo, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, os bandidos tentaram, sem sucesso, explodir o cofre do Banco do Brasil, mas conseguiram explodir os caixas eletrônicos do Bradesco.

Testemunhas contaram que, por volta das 3h, cerca de 20 homens fortemente armados, chegaram à cidade em seis carros, atirando para o alto. Alguns carros que estavam estacionados nas imediações das agências ficaram com marcas de tiros.

O 22º Batalhão de Polícia Militar foi informado de que alguns moradores chegaram a ser feitos reféns, mas liberados durante a fuga da quadrilha. Para dificultar a perseguição policial, os bandidos espalharam grampos pelas rodovias que dão acesso a Surubim e Limoeiro.

As duas agências, localizadas na mesma rua, estão isoladas para a realização da perícia do Instituto de Criminalística (IC). A agência do Bradesco ficou destruída, com pedaços do teto espalhados pelo chão. Ainda não se sabe se os bandidos conseguiram levar dinheiro dos equipamentos explodidos.


Diário de Pernambuco
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio