Promoção Magazine Luiza e Você

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA
1° FEIRÃO DO ANO

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

APOIO: REDE SKY

APOIO: REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

TEMPO EM JATAÚBA - PE

terça-feira, 14 de março de 2017

Conserto de bomba reduz vazão de água para Poções pela metade e Ministério emite nota; confira

Resultado de imagem para acude de poções em monteiro pb
Uma das bombas usadas para levar a água da Transposição do Rio São Francisco para o açude de Poções, em Monteiro, apresentou problemas e está em manutenção desde a última sexta-feira (10), de acordo com o presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba, João Fernandes.
“Na sexta-feira só estava funcionando uma bomba e eles anunciaram que uma teria sido retirada para dar uns ajustes, que ela estava vibrando muito”, explicou. Com a retirada, restou apenas uma bomba funcionando no local, o que reduziu a vazão pela metade.
“Eles querem e precisam bombear de 8 a 9 m³ e essa bomba só bombeia 5 m³. Precisa das duas para dar a carga total”, acrescentou João Fernandes.
Ainda de acordo com ele, a prioridade agora é encher o reservatório de Campos, em Pernambuco, para que a água siga por gravidade e as bombas de captação flutuante, emprestadas por São Paulo, não sejam mais necessárias.
Na noite desta segunda-feira (13) o Ministério da Integração emitiu uma nota explicando a situação, mas não estabeleceu prazos para que a bomba volte a funcionar.
Confira a nota:
O Ministério da Integração Nacional vem a público prestar os seguintes esclarecimentos:
1) A sexta estação de bombeamento do Eixo Leste (EBV-6) do Projeto de Integração do Rio São Francisco, localizada em Sertânia (PE), está em funcionamento desde o dia 28 de fevereiro. A estrutura é composta por duas motobombas;
2) Hoje, a EBV-6 está operando com uma motobomba que possui capacidade para liberar uma vazão de 4,5 m3/s, o equivalente ao volume necessário para atender a uma população de aproximadamente 2 milhões de pessoas e suficiente para que a água do rio São Francisco chegue ao reservatório Boqueirão;
3) Eventualmente, o funcionamento de uma das motobombas pode ser interrompido para ajustes previstos, uma vez que o processo de bombeamento foi iniciado há poucos dias.
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio