SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

REDE FÁCIL JATAÚBA

REDE FÁCIL JATAÚBA
Toda Loja em até 10x no Cartão Tel. (81) 3746-1412/98275-4999

Pe. REGINALDO MANZOTTI EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

Pe. REGINALDO MANZOTTI EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE
EVANGELIZAR É PRECISO!

TEMPO EM JATAÚBA - PE

domingo, 5 de fevereiro de 2017

São João de Caruaru terá menos investimento e prefeitura tenta parceriaO São João de Caruaru não será na forma tradicional que vinha ocorrendo, este ano terá um novo formato”, segundo a prefeita Raquel Lyra (PSDB), em entrevista a uma emissora de rádio de Recife, na manhã desta sexta-feira (03). Ele disse também que, “o investimento é alto, custou cerca de R$ 16 milhões reais em 2016. O Poder Público Municipal geralmente consegue cerca de R$ 3 milhões de patrocínio do Governo do Estado, o restante vai buscar na iniciativa privada e banca uma parte da festa com recursos próprios”, concluiu Raquel. A prefeita afirmou que “pretende reduzir os custos do evento deste ano, dando prioridade aos artistas da região e buscando parcerias com outras prefeituras. Ela já foi à Campina Grande-PB e já conversou com a prefeita de Arcoverde, para baratear ao máximo os gastos com cachês dos artistas nacionais”. Um cantor poderá ser contratado pelas três cidades citadas, para fazer shows em um fim de semana pelo mesmo cachê, e evitar o que aconteceu com o cantor Wesley Safadão em 2016, com diferença de do valor do cachê de Campina Grande para Caruaru

thumb image

O São João de Caruaru não será na forma tradicional que vinha ocorrendo, este ano terá um novo formato”, segundo a prefeita Raquel Lyra (PSDB), em entrevista a uma emissora de rádio de Recife, na manhã desta sexta-feira (03). Ele disse também que, “o investimento é alto, custou cerca de R$ 16 milhões reais em 2016. O Poder Público Municipal geralmente consegue cerca de R$ 3 milhões de patrocínio do Governo do Estado, o restante vai buscar na iniciativa privada e banca uma parte da festa com recursos próprios”, concluiu Raquel.
A prefeita afirmou que “pretende reduzir os custos do evento deste ano, dando prioridade aos artistas da região e buscando parcerias com outras prefeituras. Ela já foi à Campina Grande-PB e já conversou com a prefeita de Arcoverde, para baratear ao máximo os gastos com cachês dos artistas nacionais”.
Um cantor poderá ser contratado pelas três cidades citadas, para fazer shows em um fim de semana pelo mesmo cachê, e evitar o que aconteceu com o cantor Wesley Safadão em 2016, com diferença de do valor do cachê de Campina Grande para Caruaru.

Do: Folha de Caruaru
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio