Promoção Magazine Luiza e Você

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA

REDE FÁCIL CONSTRUÇÃO JATAÚBA
1° FEIRÃO DO ANO

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

APOIO: REDE SKY

APOIO: REDE SKY
PARCERIA NOS EVENTOS

TEMPO EM JATAÚBA - PE

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

O BRASIL ESTÁ DE LUTO; Morre o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF

Resultado de imagem para teori zavascki

O "ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, 68 anos, morreu, na tarde desta quinta-feira (19), em queda de avião no mar de Paraty, no litoral do Rio de Janeiro". A informação foi dada às 17h pelo filho do ministro na rede social Facebook.

O ministro estava no avião bimotor modelo King Air que caiu no meio da tarde em Paraty, na região da Costa Verde fluminense. Na aeronave, estavam cinco pessoas - o ministro, o dono da aeronave, o piloto e mais duas pessoas ainda não identificadas até as 20h desta quinta.
Os corpos estão presos nas ferragens. O empresário Carlos Emiliano, dono da aeronave e fundador da Emiliano Empreendimentos e Participações Hoteleiras, era quem pilotava o avião King Air C90, que decolou do Campo de Marte, em São Paulo às 13h01 e caiu perto da Ilha Rasa, em Paraty, na Costa Verde fluminense, menos de uma hora após a decolagem.

Em nota, o grupo hoteleiro também confirmou a morte do piloto da aeronave, Osmar Rodrigues, e manifestou solidariedade às famílias das vítimas. “Carlos Alberto e o ministro Teori Zavascki eram amigos próximos. A empresa registra seus sentimentos e condolências para a família e amigos do ministro e do piloto. A empresa informa ainda que está à disposição das autoridades colaborando com as investigações em curso.”
De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a aeronave decolou às 13h01 do Campo de Marte, em São Paulo.
Na hora do acidente, chovia forte em Paraty e a região estava em estágio de atenção. O Corpo de Bombeiros informou que o avião caiu no mar, próximo à Ilha Rasa, e está parcialmente submerso. 

Além dos bombeiros da cidade, homens do quartel de buscas e salvamento da Barra da Tijuca, no Rio, se deslocam para o local para auxiliar nas buscas. 

Velório

O presidente Michel Temer veio a público lamentar a morte do ministro. Em um pronunciamento à imprensa, Temer afirmou que recebeu com "profundo pesar" a notícia do falecimento e decretou três dias de luto oficial como uma “modesta homenagem” a Zavascki que, segundo ele, “tanto serviu à classe jurídica, aos tribunais e ao povo brasileiro”.

O velório deve ser realizado em Porto Alegre. Segundo assessores próximos da presidente do STF, Cármen Lúcia, a ministra informou que irá respeitar a vontade da família para que a cerimônia ocorra na capital gaúcha e não na sede do Supremo, em Brasília. Catarinense, Teori construiu sua carreira jurídica e tinha casa em Porto Alegre.
Cármen Lúcia estava em Belo Horizonte quando foi informada sobre a morte de Teori e voltaria a Brasília ainda nesta quinta em avião da Força Aérea Brasileira. O diretor-geral do STF, Eduardo Toledo, foi para Paraty acompanhar as providências relativas à liberação do corpo de Teori Zavascki para o velório. Mais duas vítimas do acidente foram localizadas nos destroços da aeronave, mas há dificuldades para remoção dos corpos por causa do mau tempo na região.

Informações Folha de PE
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio