Promoção Magazine Luiza e Você

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !

SEU FUTURO COMEÇA AQUI !
Aulas durante a semana e aos sábados!

PROMOÇÃO NOVEMBRO AZUL!

REDE SKY! APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018

REDE SKY! APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018
APOIO NA TRANSMISSÃO FESTA DE SÃO SEBASTIÃO 2018 EM FULL-HD

TEMPO EM JATAÚBA - PE

sábado, 26 de novembro de 2016

TRANSPOSIÇÃO DEVE CHEGAR A MONTEIRO EM FEVEREIRO E A CAMPINA GRANDE EM EM ABRIL DE 2017, DIZ MINISTRO

Resultado de imagem para TRANSPOSIÇÃO EM MONTEIRO

Ministro diz que obras estão 90,8% concluídas



O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, afirmou nesta terça-feira (22) que as obras nos dois eixos (Norte e Leste) do projeto de integração do Rio São Francisco estão em pleno andamento. No Eixo Leste, segundo informou, 90,27% das estruturas estão prontas e toda a obra estará finalizada em dezembro. A previsão é que água chegue a Monteiro, no Cariri da Paraíba, a 305 km de João Pessoa, no próximo mês de fevereiro, e a Campina Grande em abril de 2017, depois de passar por Pernambuco.


O Eixo Norte, com 91,25% da obra executada, conforme informou o ministério, deve ser entregue até o primeiro trimestre de 2017 e a água deve chegar aos estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte no segundo semestre do próximo ano.

“Já estão concluídas 90,8% das estruturas e o restante está em construção, com exceção de um trecho do Eixo Norte que estava sob responsabilidade da empresa Mendes Júnior, mas que já estamos providenciando a substituição”, afirmou. A expectativa, segundo ele, é de que a Pasta publique o edital no dia 6 de dezembro deste ano e que as propostas das construtoras interessadas sejam abertas até 15 de janeiro.
Foto: Codecom/PB
O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, liderando uma comitiva, visitou as obras de transposição das águas do Rio São Francisco, no Eixo Leste, no Cariri paraibano (Monteiro) e no estado de Pernambuco (Sertânia).



Em junho deste ano, a empresa Mendes Júnior comunicou ao Ministério da Integração Nacional a falta de condições técnicas e financeiras para continuar os dois contratos da Meta 1N do Eixo Norte, que vai da captação do Rio São Francisco, em Cabrobó (PE), até o reservatório de Jati (CE). Em 7 de novembro, a Pasta iniciou o novo processo de licitação com a consulta pública da minuta do edital e seus anexos. As construtoras interessadas têm até o dia 29 de novembro para dar suas contribuições para a versão final do edital. “A partir daí, prosseguimos com o processo de análise para assinarmos o contrato até o início de fevereiro de 2017”, destacou.


Os anúncios foram feitos durante reunião da Comissão Externa da Câmara dos Deputados destinada a acompanhar o Projeto de Integração e a revitalização do rio, onde Barbalho realizou uma apresentação de balanço das ações.
Foto: Codecom/PB
O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, liderando uma comitiva, visitou as obras de transposição das águas do Rio São Francisco, no Eixo Leste, no Cariri paraibano (Monteiro) e no estado de Pernambuco (Sertânia).

O ministro explicou também aos deputados que os serviços serão licitados em regime diferenciado de contratações (RDC) pelo ministério, solução acordada com o Tribunal de Contas da União (TCU). Esse tipo de contratação reduz a possibilidade de contestação judicial, acelerando o processo. “Esta obra é absolutamente prioritária para o Governo, não apenas para o Ministério da Integração Nacional. Entendemos claramente a repercussão social e econômica da garantia da conclusão do projeto, que envolve cerca de 12 milhões de brasileiros”, destacou.

Perfil da obra
O Projeto de Integração do Rio São Francisco compreende 477 quilômetros de extensão, com a construção de quatro túneis, 14 aquedutos, nove estações de bombeamento, 27 reservatórios, nove subestações de 230 quilowatts e 270 quilômetros de linhas de transmissão em alta tensão.

Ao todo, 12 milhões de pessoas serão beneficiadas em 390 municípios nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte, além das 294 comunidades rurais às margens dos canais da obra.
Imagem relacionada

Revitalização do rio
Para recuperar o Rio São Francisco, em agosto deste ano, o presidente da República, Michel Temer, lançou o Plano Novo Chico, que vai orquestrar os investimentos de diversos órgãos para assegurar a oferta e qualidade de água do rio. Serão beneficiadas 16,5 milhões de pessoas em 505 municípios nos estados de Goiás, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Alagoas e Pernambuco, que representam 8,1% da população brasileira.

O objetivo do plano é dar continuidade às ações de revitalização já realizadas desde 2007 pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e, em sua segunda fase, os órgãos envolvidos irão detalhar as medidas que serão implementadas ao longo dos próximos anos.

Veja o que diz o Ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho



Este outro, é um vídeo do amigo blogueiro Carlos Alberto de Lima;



Imagens/Vídeos: Pesquisas/InternetGoogle/Alberto_Barbosa

Imagens do prefeito de CG Romero Rodrigues_Via Assessoria

Ministério de Integração Nacional



Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio